Arquivo mensal: julho 2013

Marte em quadratura com Urano

A tensa configuração entre Marte e Urano, indica a necessidade de compreensão e ordenação dos potenciais, possibilitando as reformulações e revoluções que pretendemos.

Há um personagem de Monteiro Lobato, chamado Américo Pisca-Pisca, que resolveu tomar para si o cargo de reformador do mundo. Américo não se conformava com elementos que considerava inúteis na Natureza: a existência de sapos, de

Monteiro Lobato

Monteiro Lobato

chuva e, o cúmulo de sua insana revolta, como podiam jabuticabas, tão pequeninos frutos, nascer em árvores colossais, enquanto que enormes abóboras cresciam rentes ao chão, num paradoxo aparentemente irracional e ilógico. Sentado à sombra de uma enorme jabuticabeira, contemplava enfezado, os frutinhos. Até que dormiu.

Dormiu e sonhou com um mundo novo, inteiramente reformulado por ele. Um mundo, porém, muito quente, pois não havia chuvas para alimentar o ciclo da água; um mundo cheio de mosquitos e marimbondos, pois não havia sapos para comê-los… Até que despertou, pois uma jabuticaba lhe caíra bem sobre o nariz.

E se fosse uma abóbora?

A tensa configuração entre Marte e Urano é um indicativo de que o Américo Pisca-Pisca em nós pode querer armar das suas. Portanto, esteja alerta. Você pode e deve tentar ordenar o seu mundo. Mas não tente impor suas idéias a ninguém, na marra. Cultive os seus pensamentos e procure perceber o sentido que há em tudo o que existe, inclusive aquilo que é objetoPisca-Pisca de seus interesses revolucionários. A sua revolta pode estar acontecendo por pura ignorância dos verdadeiros significados das coisas, como no caso do nosso bom amigo Américo Pisca-Pisca.

Cuidado, portanto.

E, evidentemente, você preferirá ser conhecido como um idealista, um louco visionário até, antes de ser tachado de birrento e revoltado, que, de tão enjoado, não consegue convencer ninguém de suas idéias.

E lembre-se: os maiores reformadores do mundo foram aqueles que começaram por reformar-se a si próprios.

Por outro lado, o caráter explosivo da conjunção Marte-Urano deve ser zelosamente observado: durante estes dias, devemos tomar cuidado com acidentes de qualquer espécie, mas principalmente acidentes envolvendo eletricidade ou aparelhos elétricos.

Mas sobretudo lembre-se de que Marte e Urano nos falam de força e ativação, sobretudo no que diz respeito a encarar e a desencadear o novo, o diferente, em nossas vidas e em nossas ações. E nos tempos em que vivemos, quem não faz o novo é atropelado por ele.

Análise ciclológica

Independentemente da qualidade própria desse momento, sinalizada pela quadratura Marte-Urano, do ponto de vista ciclológico cabe também uma observação.

Ciclo Sinódico ConjunçãoO ciclo sinoidal entre dois planetas se dá da seguinte maneira: na conjunção (quando os dois planetas se encontram no mesmo grau do Zodíaco), inicia-se um ciclo novo, novas sementes são lançadas, algo novo começa. O planeta mais rápido continua avançando e, na oposição (quando os planetas estão a 180º), esse ciclo atinge o seu máximo. Nesse ponto, as sementes lançadas no momento da conjunção frutificam (para bem ou para mal) e rendem resultados. Mas, entre a conjunção e a oposição e vice-versa existem dois momentos em que os planetas se colocam em quadratura (a 90º um do outro). Os pontos de quadratura representam momentos de crise, de oportunidade. A quadratura crescente (entre a conjunção e a oposição) está relacionada a crescimento. Às vezes, nesta fase, faz-se necessário um ajuste ou reordenamento de metas, para que os projetos ou vivências iniciados na conjunção continuem ou até mesmo se extingam de vez. Já a quadratura minguante (entre a oposição e a conjunção) está relacionada a uma crise que solicita novos ajustes, porém com vistas ao encerramento do processo.

E, na nova conjunção, o ciclo é definitivamente encerrado e um novo se inicia.Ciclo Sinódico Quadratura Crescente

Alguns desses ciclos duram um mês, como é o caso dos ciclos envolvendo a Lua. Outros duram vinte anos, como é o caso do ciclo Júpiter-Saturno. E outros ainda duram entre dois anos e dois anos e meio, como é o caso deste ciclo Marte-Urano.

Quando observamos esse tipo de ciclo, percebemos que o tempo e seu desenrolar em nossa vida fica impregnado de significados. E vivemos em meio a uma infinidade desses ciclos, que se mesclam e se interpenetram entre si.

A vez mais recente em que Marte e Urano fizeram uma conjunção foi em Março de 2013. Avalie com cuidado: que sementes você lançou, nos entornos desse momento? Que projetos ou vivências você iniciou aí?

Ciclo Sinódico OposiçãoMarte e Urano fizeram uma quadratura crescente agora, Julho de 2013. Pergunte-se: que tipo de crise de ajustamento seu projeto ou vivência passa, durante esse momento?

A oposição Marte-Urano ocorrerá em Dezembro de 2013 a Janeiro de 2014 e se repetirá no período de Abril a Junho de 2014. Aí acontecerá o apogeu do ciclo. Fique atento aos frutos que você colherá.

A quadratura minguante Marte-Urano ocorreu em Novembro de 2014. Eis aí o momento da crise final, o princípio do fim do ciclo.

E a próxima conjunção Marte-Urano ocorrerá em Março de 2015, encerrando este ciclo e iniciando outro.

Fique atento. E aproveite para usar os momentos cíclicos a seu favor, em vez de nadar contra a correnteza cósmica.Ciclo Sinódico Quadratura Minguante

 Dica Cinematográfica

The Mosquito Coast, um filme surpreendente, onde você vai conhecer uma versão moderna de Américo Pisca-Pisca, interpretada por Harrison Ford.

Mosquito Coast

Anúncios

Grande trígono entre Júpiter, Saturno e Netuno

 

O Grande Trígono, ou seja, a triangulação de 120 graus entre Júpiter, Saturno e Netuno, atinge o seu grau mais exato nesta quarta-feira, dia 17 de Julho de 2013, convidando-nos à Comunhão.

Nos últimos tempos a Ciência tem conseguido a façanha de nos surpreender cada vez mais, com descobertas e novidades entre inquietantes e fascinantes.

GaláxiaPor exemplo, observações astronômicas realizadas ao longo dos últimos vinte anos aumentaram o número de galáxias conhecidas no Universo, que constava ser  de “apenas” dez milhões e passou a cem milhões. A existência de planetas fora do sistema solar foi outra bombástica novidade trazida ao conhecimento do homem comum.

Interessante será analisar o efeito que tais informações trazem sobre a mente e a alma humana. O homem, nada mais do que um misérrimo verme, habitando um planetinha que é pouco menor que um grão de areia  que circula ao redor de uma estrelinha de quinta grandeza, situada, por sua vez, num dos braços periféricos da galáxia, ao defrontar-se com tais informações, sente-se ainda menor e mais esmagado pela inapreensível grandiosidade do Cosmos.

Na verdade, essas informações servem para nos avisar que o Universo traz maravilhas das quais nem sequer desconfiamos; e o gênero humano, que em sua empáfia racionalista de reformador do mundo acha que pode dissecar e explicar tudo o que vê, queda-se estarrecido e humilhado diante dos mistérios que não compreende.

Porém, devemos perceber que cada uma dessas maravilhas do Cosmos subsiste, na mesma proporção e grandiosidade, no interior de cada ser humano.

“Conhece-te a ti mesmo, homem, e conhecerás o Universo e os deuses”, foi a lição maior do grande Sócrates. Conhecer

Sócrates

Sócrates

as maravilhas do Universo equivale, portanto, a conhecer as maravilhas de seu próprio interior e assim a busca incessante do Eterno estará, ao menos, encaminhada.

O homem não é eterno, nem mesmo quando o seu trabalho permanece, como dizia um famoso slogan; mas pode tornar-se eterno, quando comunga com esse Eterno e O coloca em seu cotidiano, trazendo as significações celestes para o aqui e o agora.

Neste Julho de 2013, uma belíssima configuração celeste nos convida para essa comunhão com o Eterno. Os planetas Júpiter, Saturno e Netuno, em especialíssima posição, indicam a ocorrência de uma intensa emanação de conteúdos simbólicos, fazendo derramar sobre a Terra uma fértil chuva de significados e a Humanidade deverá estar alerta para essa integração com o planeta e com o Cosmos .

Evento muito aguardado por todos os que estudam os movimentos celestes, essa poderosa triangulação traz possibilidades de expansão e potencialização das nossas melhores esperanças.

Grande Trígono

Grande Trígono

Saturno representa as forças de contração e limitação, enquanto Júpiter representa as forças de expansão. Já Netuno representa os fatores de fé e espiritualidade.

Ao se posicionarem de forma tão positiva e reciprocamente estimulante, esses planetas criam as condições favoráveis para o desenvolvimento de uma cultura de paz, harmonia, espiritualidade e desenvolvimento.

É hora, portanto, para as nossas melhores ações.

Ações que visem a fazer brotar, no ser humano, aquilo que ele tem de melhor. E sobretudo, ações que possibilitem a cada um de nós resgatar a condição de olhar para o nosso semelhante e reconhecê-lo como irmão.

As sementes hoje lançadas à terra, sob os auspícios dessa brilhante configuração, renderão frutos que reverterão ao bem de todos os homens, mulheres e crianças neste nosso simpático planetinha azul.

Portanto, ao longo dos próximos tempos, pergunte-se: o que eu posso fazer para contribuir para o alvorecer de uma nova era? E procure agir de acordo. E lembre-se de que é nas pequenas coisas e não necessariamente nas grandes conquistas que Deus se faz presente.

Dica cinematográfica

O filme A Árvore dos Sonhos (The War, USA, 1994), estrelado por Kevin Costner e Elijah Wood, onde você vai

Kevin Costner e Elijah Wood em cena de A Árvore dos Sonhos

Kevin Costner e Elijah Wood em cena de A Árvore dos Sonhos

aprender que as opções pela Paz são sempre possíveis, ainda que sejam, muitas vezes, o caminho mais difícil.