Os Magos Astrólogos e a Estrela de Belém

6 de Janeiro, dia dos Reis Magos, dia do Astrólogo

Muitos pesquisadores, ao longo dos séculos, se fizeram a pergunta que, ainda hoje, incomoda a muita gente:

 “Os Reis Magos que foram a Belém saudar o nascimento de Jesus seriam astrólogos ?”

E alguns dos leitores desta coluna também nos questionam sobre a possibilidade, uma vez que um astro foi o anunciador da boa nova.

Bem, vejamos…

O Santo Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus nos conta (Cap. 2) que , havendo nascido Jesus “em Belém de Judá, em tempos do rei Herodes, eis que vieram do Oriente uns magos a Jerusalém, dizendo: ‘Onde está o rei dos judeus, que é nascido? Porque vimos no Oriente a sua estrela e viemos adorá-lo.’ (…) e logo a estrela que tinham visto no Oriente lhes apareceu, indo adiante deles, até que, chegando, parou sobre onde estava o menino. E quando eles viram a estrela foi sobremaneira grande o júbilo que sentiram. E entrando na casa, acharam o menino com Maria, sua mãe, e prostrando-se, O adoraram. E abrindo os seus cofres, Lhe fizeram suas ofertas de ouro, incenso e mirra.”

Segundo essa tradição, uma estrela teria guiado os três “Reis Magos” até o presépio de Belém. Mas, na realidade, estes nobres personagens seriam não apenas soberanos, mas sem dúvida Magos, no sentido antigo e preciso do termo, isto é, sábios, filósofos e astrólogos do Irã ou da Babilônia. Até mesmo por que naquela época, era comum o soberano ser também um sacerdote, um sábio e, conseqüentemente, um astrólogo.

Teorias existem acerca da “Estrela de Belém”. Há quem diga que era um cometa; Johannes Kepler, astrônomo e astrólogo alemão, considerado um dos maiores gênios da Humanidade, desenvolveu a teoria de que a estrela seria, na realidade uma excepcional conjunção entre Marte, Júpiter e Saturno, que, sobrepondo-se no céu, teriam apresentado o aspecto de uma única estrela gigante.

Preferimos deixar esse enigma sem solução, mais um dos muitos e fascinantes mistérios da Tradição Cristã. O que importa, de qualquer modo, é o inegável patrocínio celeste, estes sinais do Céu, associados ao nascimento d’Aquele que seria o Salvador da Humanidade.

Diz o historiador Bouché-Leclerq, citado por Serge Hutin, em seu História da Astrologia:

“Dizer que Deus se servira de um astro para avisar aos magos, simplesmente porque eram astrólogos, não enfraquece a conclusão: haviam sido avisados, e, portanto, compreendiam os sinais celestes.”

Ou seja, eram astrólogos os magos que adoraram Jesus. Conheciam a linguagem dos astros e, por isso, puderam compreender a sua mensagem e chegar em tempo de adorar a Criança.

No dia 06 de Janeiro, inclusive, dia consagrado aos Reis Magos, é comemorado o Dia Mundial do Astrólogo.

Esta bela passagem, um dos pontos altos da História da Humanidade, traz em seu bojo e seu significado uma importante mensagem: a de que, por meio dos sinais dos céus podemos chegar mais perto da Criança Crística, não só aquela que está nos templos e nas igrejas, mas sobretudo aquela que trazemos em nosso coração.

Como reflexão, o poema de Rudolph Steiner, codificador da Antroposofia, com o qual saudamos todos os homens e mulheres que, ao longo da História, em tempos passados ou contemporâneos, ousaram praticar a nobre arte de ler os sinais celestes e transformá-los em informações significativas para a Humanidade.

Se quisermos festejar o Natal

De modo cristão, deverá existir

Em nós próprios um Pastor e um Rei.

Um Pastor que ouve o que outras

Pessoas não ouvem, e que

Com todas as formas de dedicação

More logo abaixo do céu estrelado;

A esse Pastor, anjos anseiam por

Revelar-se.

E um Rei que distribua dádivas;

Que não se deixa guiar por nada mais

A não ser pela estrela das alturas.

E que se põe a caminho,

Para ofertar todas as suas dádivas

Ao pé de uma manjedoura.

Mas além do Pastor e do Rei

Deverá existir também em nós, uma

Criança

Que quer nascer agora!

Feliz dia dos Reis Magos!!! Feliz dia do Astrólogo!!!

Sobre Haroldo Barros

Sou profissional da Astrologia e outras práticas da evolução humana há vinte e cinco anos. A minha contribuição para a ordem cósmica consiste em ajudar as pessoas encontrarem os caminhos e os meios de cultivar a própria felicidade.

Publicado em 05/01/2014, em Posts Astrais. Adicione o link aos favoritos. 3 Comentários.

  1. Caro Haroldo Barros,

    Felicito-o com alegria pelo Dia do Astrólogo.
    E também lhe desejo Feliz 2014.

    Agradeço pelas observações que nos envia.
    Sempre precisamos uns dos outros e, no seu caso,
    tem-me ajudado a fazer boas reflexões para a vida e,
    em contato com os astros, melhor situar-me ante a existência.

    Grata, grande abraço
    Jazilda.
    Parabéns a todos os astrólogos sérios.

  2. Geraldo Mendes Filho

    Quero ser Astrólogo.

  3. Maria Bertilia M. Lins

    Parabéns Haroldo,pelo texto e pelo seu dia,que 2014 seja um ano surpreendente para vc e família.Um abraço fraterno.Adorei o texto!

Faça seu comentário, pergunta ou sugestão!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: